segunda-feira, 17 de novembro de 2014

Com informações de Secretarias, plano de formação define vagas

As secretarias estaduais e municipais de educação e os institutos federais de educação, ciência e tecnologia das cinco regiões do país tem prazo até 21 de novembro para informar na Plataforma Freire quantos professores das suas redes precisam cursar uma licenciatura ou pedagogia. É com base nessa informação que a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), junto com as universidade e os fóruns de educação, define as vagas do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor) para 2015. As inscrições dos professores será de 20 de janeiro a 13 de março do próximo ano. 

O plano de formação, lançado em 2009, abre turmas especiais em turmas de licenciatura, na modalidade presencial, exclusivas para educadores das redes públicas que não possuem formação superior na área em que atuam, conforme exigência de Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB). 

Essas turmas são abertas conforme a convergência de três fatores: as secretarias estaduais, municipais e do Distrito Federal e os Institutos federais informam o número de vagas de que suas redes precisam. As instituições de ensino superior, que participam do Parfor, definem e informa a oferta de cursos e de vagas, e os educadores fazem a pré-inscrição na licenciatura que pretendem cursar. Todo o processo é realizado Plataforma Freire. 

CRITÉRIOS - Para ocupar as vagas da primeira licenciatura, o professor precisa atender requisitos descritos do Parfor: estar vinculado a uma rede pública estadual, municipal ou do Distrito Federal; no exercício da atividades do magistério; não ter curso de licenciatura. A carga horária mínima é de 2.800 horas, das quais 400 horas de estágio supervisionado. A duração do curso é de 04 anos. 

Já o educador com graduação em área diferente daquela em que leciona precisa estar a pelo menos 03 anos na rede pública, para fazer a segunda licenciatura. Esse curso tem carga horária de 800 horas a 1.400 horas e duração entre dois anos e dois anos e meio. O Parfor também oferece formação pedagógica para docentes graduados ou licenciados na rede pública. Essa formação complementar é de 540 horas, ministrada durante um ano.

Os cursos são gratuitos para todos os professores, mas a Capes repassa recursos financeiros para as instituições de ensino superior responsáveis pela formação, supervisão de estágios e certificação dos concluintes. É tarefas da secretarias de educação oferecer aos cursistas material escolar, transporte, hospedagem e alimentação durante o curso. 

RESULTADOS - De maio de 2009, quando foi criado, a dezembro de 2012, o Parfor colocou em salas de aula 54,8 mil professores em turmas especiais, segundo balanço publicado pela Capes. No período, foram implantadas 1.920 turmas em 397 municípios. Professores das regiões Norte e Nordeste foram os que mais procuraram formação. Até 2012, o Parfor atendeu 28.073 educadores da região Norte e 20.781 do Nordeste. Na sequência apareceram a região Sul (3.422 professores), o Sudeste (1.847) e o Centro-Oeste (753). 

O Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica integra um conjunto de políticas públicas do governo federal em parceria com estados, municípios e instituições  de ensino superior para transformar o magistério. Estão neste grupo de políticas o Piso Nacional do Magistério, instituído em julho de 2008; os cursos de mestrado profissional para educadores das redes públicas; o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid), que visa o aperfeiçoamento e a valorização da formação de professores, o Programa de Consolidação das Licenciaturas (Prodocência), que fomenta a inovação, a elevação da qualidade dos cursos do magistério e a valorização da carreira do professor. 
Fonte: Portal Mec

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

MOBILIZAÇÃO ENEM 2014

Nos dias 08 e 09 de Novembro a Escola Flávio Rodrigues organizou os seus alunos para ir até Guaraciaba do Norte fazer a prova do Enem 2014. Uma grande mobilização envolvendo toda a equipe da escola, Núcleo Gestor, Professores, Funcionários e as Famílias. 
FOTOS


sexta-feira, 7 de novembro de 2014

PLANTÃO ENEM2014

A Escola Flávio Rodrigues realiza nesta Sexta-feira (07/11) o Plantão Enem, com Tira dúvidas e fazendo ajustes de forma a preparar melhor os alunos para a Prova do Enem que acontece nos dias 08 e 09 de novembro.
 Veja Fotos:









quarta-feira, 5 de novembro de 2014

RECOMENDAÇÕES PARA ESCREVER UMA BOA REDAÇÃO NO ENEM 2014

 Fonte: Universia Brasil


Fazer uma boa redação na Prova do Enem que acontece no dias 08 e 09 de novembro é fundamental para atingir uma boa média no exame. 

A redação do Enem exige um texto dissertativo-argumentativo sobre um tema de ordem social, científica, cultural ou política. Trata-se de uma redação opinativa, ou seja, quem escreve tenta convencer o leitor sobre seu ponto de vista sobre determinado assunto expondo argumentos ao longo do texto. 

Em geral, o texto dissertativo-argumentativo é um texto formado por quatro ou cinco parágrafos, dos quais o primeiro é dedicado a introdução, dois ou três a argumentação e o último à conclusão. A seguir, esta fórmula para escrever uma redação nota 1.000 no Enem 2014:
PASSO 01
Leia atentamente o enunciado do começo ao fim para identificar o tema proposto.

PASSO 02
Entenda o tema proposto. Por tendência, o tema da redação do Enem está muito próximo do cotidiano do candidato. A proposta de redação trazem elementos que mostram uma situação-problema. 

PASSO 03
Reflita sobre o tema.

PASSO 04
Analise atentamente os textos motivadores para compreender bem o que está sendo solicitado na proposta de redação e ajuda a não fugir ao tema. É preciso entender a mensagem por trás dos textos motivadores selecionados pelo MEC. Importante: nunca copie os trechos dos textos motivadores em sua redação. 

PASSO 05
Identifique a situação-problema e reflita sobre uma solução para esta questão.

PASSO 06
Posicione-se diante do tema. Desenvolva os argumentos e contra-argumentos. Crie sua próprias teses e defenda-as. É importante ser criativo. Evite clichês no texto, ou seja, escrever sobre o que todos já sabem. Uma dica: pense em exemplos próprios e outros artifícios que o ajudem a argumentar. 

PASSO 07
Reúna as ideias que lhe ocorreram sobre o tema.

PASSO 08
Comece a montar o texto dissertativo-argumentativo. 

PASSO 09
Examine com atenção a introdução e a conclusão para ver se há coerência entre o início e o fim. 

PASSO 10
Ofereça uma solução concreta e efetiva para o problema proposto respeitando os direitos humanos. Não há espaço algum para que o aluno seja contrário a eles. A apresentação não pode ser genérica e vaga, deve ser bem detalhada. 

TEMA DA REDAÇÃO DO ENEM 2014
Não é possível adivinhar com certeza qual será o tema da redação do Enem 2014. Sabemos que será de relevância nacional e que incitará o aluno a desenvolver uma situação de acordo com os direitos humanos. De 1998 até 2013, o Enem cobrou temas ligados a questões sociais, comunicação e meio ambiente.  APOSTAS DE TEMAS PARA A REDAÇÃO DO ENEM 2014 PODEM SER CONFERIDAS NOS LINKS ABAIXO:
» 17 temas que podem cair na redação do Enem 2014
» 8 temas de atualidades que podem cair na redação do Enem 2014
» 4 temas polêmicos que podem ser cobrados na redação do Enem
» Está estudando para o ENEM? Confira os possíveis novos temas para a redação


 SOBRE AS PROVAS
As provas do Enem 2014  acontecerão nos dias 08 e 09 de novembro. No primeiro dia, será aplicada a prova de ciências humanas e ciências da natureza e suas tecnologias. A primeira prova terá duração de 04 horas e 30 minutos. Já no segundo dia de prova, os alunos responderão questões de linguagens, códigos e suas tecnologias e matemática. A redação também será aplicada no segundo dia (09). O tempo da prova será de 05 horas e 30 minutos.

A nota do Enem pode ser usada para participar de vários programas, entre eles o Programa Universidade para Todos (Prouni), o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), e o Sistema de Seleção Unificada do Ensino Técnico e Profissional (Sisutec). O Enem é também pré-requisito para firmar contratos pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

AÇÕES ENEM CHEGO JUNTO, CHEGO BEM

Como uma das ações de preparação para o Enem 2014, aconteceu nesta Segunda-feira (03/11) uma Palestra sobre Tráfico Humano para as turmas de 3º ano, sendo um dos possíveis temas para a redação do Enem 2014. O palestrante foi o Padre Felipe Ribeiro da Paróquia de Croatá.
Veja Fotos:



sábado, 1 de novembro de 2014

OFICINA ENEM 2014

Está acontecendo neste sábado na Escola Flávio Rodrigues o Simulado Enem 2014, preparando os alunos para a prova do Enem que acontece no dia 08 e 09 de novembro.
VEJA FOTOS: